2° Festfim divulga programação completa com mais de 130 horas de programação

Seguindo o plano de contingência do Estado de São Paulo e todas as normas dos Decretos Municipal e Estadual, a Cia. Apocalíptica iniciou nesta segunda-feira, dia 29, a programação do FestFIM – Festival de Artes do Fim do Mundo.

Com alcance internacional já em sua segunda edição, o público terá acesso às apresentações de forma gratuita até o dia 4 de abril através do site da Cia. Apocalíptica (www.ciaapocaliptica.com/) e as mídias sociais YouTube, Facebook e Instagram (@cia.apocaliptica).

“Nessa altura da crise todo mundo já sabe que os artistas serão os últimos a voltar a trabalhar normalmente, mas a diversidade e o tamanho da programação do FestFIM só provam a resiliência e a capacidade de adaptação destes trabalhadores, poder trocar experiências com eles e mostrar seus trabalhos para o nosso público nos dá um alento nestes tempos mais sombrios com o fim do mundo espreitando na esquina”, diz Lawrence Garcia, diretor da Cia. Apocalíptica e do Festival.

O FestFIM conta com 130 horas de programação gratuita, 79 atividades entre Gravações, Atividades Formativas, “Lives”, Estreias, apresentado mais de 15 vertentes artísticas, de 14 cidades diferentes do Estado de São Paulo e de quatro continentes do mundo, proporcionando ao público uma verdadeira maratona cultural.

Internacional

Neste ano, o FestFIM foi contemplado pela Lei Aldir Blanc Estadual e o destaque são as apresentações internacionais. No total, são oito espetáculos: “5 pesos”, do grupo Un colectivo con un manojo de artistas dan otra vuelta al teatro (Argentina); SEELUFT, da bailarina Andressa Miyazato (Áustria),; Casados e Cansados, com o grupo Enigma Teatro (Angola), “Akllasumaq: la elegida por sua belleza”, do grupo La Otra Vuelta Teatro (Argentina); Mar Me Quer de Moçambique; Joana Nogueira Portugal; Human’s in Shangay da China; “     San Román”, da Escuela de Arte y Talentos (Bolívia); BLADIMIR, com Gabriela Céspedes (Argentina).

Estreias

Uma das categorias mais esperadas do FestFIM são as estreias, pois toda nova edição os grupos e artistas se preparam para desenvolver apresentações que tenham a temática “Arte do Fim do Mundo”. Os espetáculos selecionados foram: A minha casa é do HIP HOP, do Coletivo Nós por Nós; O Céu que Cai Sobre a Terra, do O Bardo; De Passagem ou Que Ano Louco 2020, do Pandêmica Coletivo Temporário de Criação.

Na categoria “solo” foram aprovados: Com quantos “ismos” uma mulher escreve Brasil, da Cia Poleiro dos Anjos; O nome das coisas, do Coletivo sem Nome; Versos de Quarentena ou o Sarau do Fim do Mundo, de Duo Passarim; e Fim da Infância, da Em Cena Ser.

Gravações

Quatro espetáculos compõe a categoria “Gravações”, são eles: Um Golinho Só, da Cia Cornucópia de Teatro; E a Casa Caiu!, de Daiane Baumgartner; Os Outros reservas, da Cia Aliteatro e Força Fluida, da Companhia de Danças de Diadema

Lives

A categoria “Lives” também foi separada em “grupos” e “solos”. Seis grupos apresentarão os espetáculos: Viola Caipira e Berimbau da Capoeira – Cantigas de Viola e de Capoeira, do Carlos Henrique Violeiro; CantaVento 20 anos!, do grupo CantaVento; Daimonia, do Barracão Teatro; IllusiOnLine – Mágica Virtual, da Cia. TecnoMágicas; e Percutería Flamenca, dos artistas Flávia Piquera e Kauê de Oliveira.

Na categoria “Solo”, estão as perfomances: Vaca, do Al Borde; Manifesto Preto, do Du Kiddy Artivista; e Denegrindo Saberes, da artista Mana Bella.

Atividades Formativas

Um dos pilares do FestFIM é a categoria “Atividades Formativas” que neste ano conta com 15 projetos gratuitos e abertos ao público. São eles: “A Palavra na boca do Ator”, com Juliana Calligaris; “Como iniciar a produção de projetos culturais?” Com Cassiane Tomilhero; “Poéticas para adiar o fim do mundo” com Jesser de Souza;  “Fotografia com Arte para celular” com Jonas Golfeto, da Aleph Cinema; “Projeto Valor – Outras Operações”, com Laura Salerno e Clarissa Sacchelli; “Processo de Criação de Performances em vídeo”, com Amanda Stahl; Oficina: “Drag Acrobática Circense” – com Daniela Peixoto de Barros, Cia. Circo Soul; “Tirinhas no Clip STUDIO Paint”, com Wesley Sebastião Estáci, da Capivara LABS; “Oficina de Malabarismo com Objetos Cotidianos”, com Painé Santamaria; “O teatro Negro em São Paulo – Dramaturgia e Memória”, com Jessica Nasciment; “Literatura Infantil: um diálogo entre os livros e as infâncias”, com Rodrigo Azevedo e Vanessa Sanches, da Sutileza Poética; Projeto: “Harmonia Abstrata”, por Edson Raposeiro; “Grafias da expressão física: Uma abordagem virtual”, com Vinicius Francês; Projeto:”Filosofia, Política e Arte”, com Shybaka Melo, do Grupo Jabá com Jaca; e as oficinas “Criação de Roteiros para o Fim do Mundo”, com Fernando Huega;

Almoço do fim do mundo

Com o intuito de fortalecer a troca de informação e diálogo, a Cia. Apocalíptica realiza dentro da programação do FestFIM o “Almoço do Fim do Mundo”. A cada dia, sempre às 12h30, o público poderá participar e interagir de um bate-papo, em uma “mesa virtual,” composta sempre por dois convidados de renome nacional no mundo das artes e afins. Neste evento diário, serão discutidas diversas temáticas e o público poderá interagir com perguntas enviadas pelas redes sociais Youtube e Facebook da Cia. Apocaliptica, onde serão transmitidos os bate-papos.

Peças Apocalípticas

E é claro que a própria Cia. Apocalíptica não pode ficar de fora da programação do FestFIM, e com isso, eles apresentarão peças já gravadas que fazem parte do repertório da companhia, que se faz presente no cronograma cultural de São José do Rio Preto e região desde que iniciou suas atividades em 2013.

O público pode conferir as peças: “Cuidado com a Cuca”, “O Homem do Principio ao Fim”, “Ab Urbe Condita” e “A Mochila Amarela”.

Mais informações sobre a 2ª FestFIM estão disponíveis no link www.ciaapocaliptica.com/festfim2. Em breve mais informações sobre a 3° edição internacional do FestFIM – Festival de artes do fim do mundo.

Confira a programação completa:

Dia 31

Casados e Cansados (Internacional) Com Enigma Teatro

Das 09h às 10h – Workshop Online de Fotografia como Arte para Celular (Atividades Formativas) com Jonas Golfeto

Das 10h às 12h – A Palavra na Boca da Atriz e do Ator (Atividade Formativa), com Juliana Calligaris

Das 12h30 às 13h30 – Almoço do Fim do Mundo com Cia. Apocalíptica

Das 15h às 16h30 – Projeto Valor: Outras Operações (Atividades Formativas), com Clarissa Sacchelli e Laura Salerno

Das 16h30 às 18h30 – Criação de Roteiros para o Fim do Mundo (Atividades Formativas) com Fernando Huega

Às 17h – Cuidado com a Cuca (Gravação) Cia. Apocalíptica

Das 19h às 20h – Manifesto Preto (Live/ Solo) Com Du Kiddy Artivista

Das 20h às 21h – Casados e Cansados (Internacional) Com Enigma Teatro

Das 21h às 22h – O Fim da Infância (Estreia/ Solo) Em Cena Ser

Dia 1

Das 09h às 10h – Workshop Online de Fotografia como Arte para Celular (Atividades Formativas) com Jonas Golfeto

Das 10h às 12h – A Palavra na Boca da Atriz e do Ator (Atividade Formativa), com Juliana Calligaris

Das 12h30 às 13h30 – Almoço do Fim do Mundo com Cia. Apocalíptica

Das 15h às 16h30 – Projeto Valor: Outras Operações (Atividades Formativas), com Clarissa Sacchelli e Laura Salerno

Das 16h30 às 18h30 – Criação de Roteiros para o Fim do Mundo (Atividades Formativas) com Fernando Huega

Das 17h às 18h – E a Casa Caiu! (Gravações) Com Daiane Baumgartner

Das 17h30 às 19h – Filosofía, Política e Arte (Atividades Formativas), com Jabá com Jaca

Das 20 às 21h – Akllasumaq: le elegida por su belleza (Internacional) Com Otra Vuelta Teatro

Das 21h às 22h – O Céu que Cai Sobre a Terra (Estreia/ Grupo) com O Bardo

Às 22h – Ab Urbe Condita (Gravação) Cia. Apocalíptica

Dia 2

Das 09h às 10h – Workshop Online de Fotografia como Arte para Celular (Atividades Formativas) com Jonas Golfeto

Das 10h às 12h – Processos de Criação de Performances em Vídeo (Atividades Formativas), com Amanda Stahl

Das 12h30 às 13h30 – Almoço do Fim do Mundo com Cia. Apocalíptica

Das 14h às 17h – Oficina Drag Acrobática Circense (Atividades Formativas) com Dani Barros da Cia. Circo Soul

Das 14h às 17h – Literatura Infantil: Um Diálogo Entre os Livros e as Infâncias (Atividades Formativas) com Sutilezas Poéticas

Das 17h às 18h – CantaVento 20 anos! (Live/ Grupo) Com CantaVento

Das 19h às 20h – Daimonia (Live/ Grupo) Com Barracão Teatro

Das 20h às 21h – San Román (Internacional) Com Escuela de Arte y Talentos

Das 21h às 22h – De Passagem ou Que Ano Louco 2020 (Estreia/ Grupo) com Pandêmica Coletivo Temporário de Criação

Dia 3

Das 09h às 10h – Workshop Online de Fotografia como Arte para Celular (Atividades Formativas) com Jonas Golfeto

Das 10h às 12h – Grafias da Expressão Física: Uma Abordagem Virtual (Atividades Formativas), com Vinicius Francês

Das 12h30 às 13h30 – Almoço do Fim do Mundo com Cia. Apocalíptica

Das 13h30 às 14h – Denegrindo Saberes (Live/ Solo) Com Mana Bella

Das 15h às 17h – Oficina de Tirinhas no Clip STUDIO Paint (Atividades Formativas) com Wesley Estácio do Capivara LABS

Às 17h – A Mochila Amarela (Gravação) Cia. Apocalíptica

Das 19h às 20h – Percutería Flamenca (Live/ Grupo) Com Flávia Piquera e Kauê de Oliveira

Das 20h às 21h – Mar me Quer (Internacional) Com FITI – Teatro de Inverno

Das 21h às 22h – Versos de Quarentena ou o Sarau do Fim do Mundo (Estreia/ Solo) com Duo Passarim

Das 22h às 23h – Vaca (Live/ Solo) Com Al Borde

Dia 4

Das 09h às 10h – Workshop Online de Fotografia como Arte para Celular (Atividades Formativas) com Jonas Golfeto

Das 10h às 12h – O Teatro Negro em São Paulo – Dramaturgía e Memória (Atividades Formativas) com Jéssica Nascimento

Das 12h30 às 13h30 – Almoço do Fim do Mundo com Cia. Apocalíptica

Das 13h30 às 14h – Viola Caipira e Berimbau da Capoeira – Cantigas de Viola e de Capoeira (Live/ Grupo) Com Caipirapoeira

Das 15h às 16h30 – Harmonia Abstrata (Atividades Formativas), com Edson Raposeiro

Das 17h às 18h – Um Golinho Só (Gravações) Com Cia Cornucópia de Teatro

Das 19h às 20h – Força Fluida (Gravações) Com Companhia de Danças de Diadema

Das 21h às 22h – IllusiOnLine – Mágica Virtual (Live/ Grupo) Com Cia. TecnoMágicas

Sobre o Festival

O FestFIM  é um festival internacional de artes integradas, não-competitivas, totalmente online e direcionado exclusivamente para a apresentações de trabalhos de artistas paulistas. Tem a realização da Cia. Apocalíptica e teve sua primeira edição, realizada em 2020, recebendo cerca de 90 inscrições.

Neste ano o FestFIM recebeu 676 inscrições de 83 cidades diferentes, se consolidando como o maior festival online de artes integradas do estado de São Paulo. O festival foi um dos ganhadores da Lei Aldir Blanc Estadual e acontece a partir do dia 29 março com 31 projetos, 130 horas de atividades, promovendo uma verdadeira maratona cultural online. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *