Acervo de colecionador que conta com milhares de LPs está em exposição em Rio Preto

O MUNDO DO VINIL

Exposição em Rio Preto apresenta acervo de colecionador com milhares de LPs

Há alguns anos, os LPs, que foram febre entre as décadas de 1940 e 1980, estão voltando a ganhar espaço, apesar da tecnologia estar cada vez mais avançada. Quem gosta, garante que o som produzido pelo “bolachão” é mais encorpado, mas há outro detalhe nos discos de vinil que atrai apreciadores da música: as capas desses discos, muitas vezes, trazem verdadeiras obras de arte, além de informações técnicas que são um diferencial em relação às mídias digitais. Seguindo uma tendência mundial, o Brasil está investindo na cultura do vinil – hoje já são três fábricas no país e diversos artistas estão lançando álbuns nesse formato.

Exposição

Ao passo que comprar fisicamente as músicas foi se tornando coisa do passado, os vinis correm na direção contrária. Em 2014, no Brasil, foram fabricados 102 mil discos. No ano seguinte, 123 mil e, para este ano, a previsão é de um aumento de 20% na produção, chegando a 150 mil. Guina Vinil, colecionador de São José do Rio Preto que tem mais de cinco mil discos em seu acervo pessoal e mais de cinco mil que comercializa em feiras e eventos, conta que um dos presentes inesquecíveis da infância, dado pelo pai, foi um vinil do Pink Floyd. Para ele, “Quem gosta não consegue abandonar esse formato, mas muita gente ainda não tem ideia do valor do vinil”.

O colecionador expõe, até o dia 30 de agosto, grande parte de seu acervo no Riopreto Shopping. A exposição “O Mundo do Vinil” conta com itens raros, como o disco Sgt. Peppers Lonely Hearts Club Band, dos Beatles, um dos bolachões mais especiais da coleção de Guina. A visitação à exposição é gratuita e fica aberta ao público de segunda a sábado das 10h às 22h e, aos domingos, das 14h às 20h.  O expositor garante que apreciadores de todas as idades sairão de lá encantados com a coleção.

Reportagem: Vânia Nocchi / Notícias do Bem
Fotos: Ricardo Boni / Notícias do Bem

17/08/2016

16/08/2016 22:36

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *