Marlon Spinelli cria um prato exclusivo para as festas de final de ano

ESPECIAL FINAL DE ANO

Marlon Spinelli cria um prato exclusivo para as festas de final de ano

Sempre quando chegam as festas de final de ano, o cozinheiro Marlon Spinelli cria receitas para sair dos pratos triviais como o famoso Peru. Para este ano, ele pensou em um prato exclusivo para nós, do Notícias do Bem, que surpreende pelo visual e pelo equilíbrio perfeito de sabores e texturas.

O Salmão, típico das águas frias do norte da Eurásia e da América, é o destaque deste prato com acompanhamento de arroz negro, damasco, sálvia e laranja. Segundo Marlon, esta combinação remete às festas de final de ano pelo toque agridoce e o damasco – muito usado em tradicionais ceias de final de ano. De origem mediterrânea, o arroz negro, além de saboroso é muito nutritivo, contendo 20% a mais de fibras e 30% a mais de proteínas se comparado ao arroz branco comum.

Salmão com arroz negro salteado de damasco e sálvia

Ingredientes

200 g de File de Salmão

Sal e pimenta do reino a gosto

50 g de manteiga sem sal

Sálvia a gosto

50 g damasco seco

100 g de arroz negro

2 unidades de laranja

20 ml de mel

Modo de preparo:

Pegue uma frigideira e coloque a manteiga, deixe derreter e coloque a posta de Salmão temperado com sal e pimenta do reino, sele dos dois lados e cozinhe por mais 5 minutos em fogo baixo, sem deixar a manteiga queimar. Reserve

Cozinhe o arroz negro com caldo de peixe até ficar al dente. Refogue o damasco junto com o arroz e a sálvia.

Em uma panela faça o molho de laranja com o suco da fruta e mel, deixe em fogo baixo até apurar.

Disponha o salmão em um prato com o arroz negro temperado ao lado, e rodelas de laranja tostadas para decoração. Sirva!

MarlonMarlon, um apaixonado pela arte da culinária desde a adolescência, é um dos sócios da escola de culinária Le Grand Chef. Formado em Gastronomia no Centro Universitário de Barão de Mauá, de Ribeirão Preto, ele acredita que o melhor tempero para um bom prato é amor à gastronomia, respeito aos alimentos e harmonização de sabores.

15/12/2016

15/12/2016 21:49

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *