Núcleo 2 dá início à temporada de seu novo espetáculo multimídia

espetáculo multimídia

Núcleo 2 dá início à temporada de apresentações

Coletivo rio-pretense que pesquisa o hibridismo de linguagens, o Agrupamento Núcleo 2 estreia nesta semana o espetáculo multimídia Galeria para Cemitérios, que aborda o fim da humanidade. Nesta quarta (18/3), às 20h, tem apresentação no Graneleiro do Complexo Swift.

EnsaioO grupo fará uma minitemporada de oito apresentações neste mês em São José do Rio Preto. Nesta semana, além do Graneleiro, o Núcleo 2 ocupa o Centro Cultural Vasco, no sábado (21/7), às 20h, e domingo (22/7), às 19h.Cada apresentação tem limite de 40 lugares. Os ingressos custam R$ 5 (meia) e R$ 10 (inteira), e a venda será nos locais das apresentações, com início uma hora antes das sessões.

O espectador irá visitar uma instalação artística visual e sonora que abre espaço para as ações cênicas dos artistas e utiliza a tecnologia binaural (sistema de fones que reproduz a forma como os sons são captados pelo ouvido humano). O espetáculo é ambientado no futuro, mostrando a empresa GPC, que atua no garimpo e manipulação de pedaços de coisas esquecidas da humanidade. Após uma grande catástrofe, o espaço reúne peças para serem instaladas em cemitérios. Não há vida dentro da sala, mas ainda é possível ouvir algumas vozes. Segundo Jef Telles, diretor, o mote conceitual da obra é um olhar para os acontecimentos políticos e sociais do país, projetando suas transformações no futuro.

Os artistas que atuam no espetáculo são os atores Cássio Henrique e Ronaldo Celeguini e o bailarino Vinícius Francês. Completam a equipe Marcelo de Castro (trilha sonora), Luis Fernando Lopes (iluminação), Jorge Etecheber (fotografia) e Daniela Honório (produção).

O trabalho faz parte da pesquisa do grupo, que desde 2011 debruça-se sobre a fusão de linguagens artísticas. O projeto Galeria para Cemitérios foi contemplado pelo ProAC (Programa de Ação Cultural) de Artes Integradas, o que permitiu o aprofundamento do trabalho. O projeto também foi selecionado para integrar a programação do Festival Internacional de Teatro de Rio Preto – FIT Rio Preto 2018, dentro da Cena Rio Preto. O grupo realizou uma residência artística com o diretor Marcelo Denny e dois ensaios abertos, no Graneleiro da Swift. Antes do FIT, dentro do projeto Laboratório Cênico, do Sesc, o coletivo participou de duas oficinas, uma com o grupo pernambucano Magiluth e outra com a atriz, dramaturga e diretora Lucienne Guedes.

EnsaioOutras datas

Na semana que vem, tem apresentação nos dias 24 e 25 (terça e quarta), às 20h, no Jorge Etecheber Studio Fotográfico. Nos dias 29 e 30/7 (sábado e domingo), às 20h e às 19h, respectivamente, será a vez do Teatro Municipal Humberto Sinibaldi Neto receber o espetáculo.

Sobre o grupo

Fundado no início de 2006, o grupo sediado São José do Rio Preto transitou entre diversos gêneros das artes cênicas, tais como realismo, épico, performance e o teatro de experimentos. Atualmente, encontra-se debruçado em uma ampla pesquisa de fusão da linguagem teatral e audiovisual. O Agrupamento Núcleo 2 desenvolve suas pesquisas transitando entre a dança, o teatro, o audiovisual, as artes visuais e a música.

Serviço:

Galeria para Cemitérios
Agrupamento Núcleo 2 (São José do Rio Preto/SP)
Graneleiro da Swift: 18/7 (quarta), às 20h
Centro Cultural Vasco: 21/7 (sábado), às 20h, e 22/7 (domingo), às 19h
Jorge Etecheber Studio Fotográfico: 24/7 (terça) e 25/7 (quarta), às 20h
Teatro Municipal Humberto Sinibaldi Neto: 28/7 (sábado), às 20h, e 29/7 (domingo), às 19h
Ingressos: R$ 5 (meia) e R$ 10 (inteira), com venda no local das apresentações, uma hora antes.
40 lugares
16 anos

Link do teaser: https://youtu.be/nasLgMMkfa4

Texto: Assessoria Agrupamento Núcleo 2
Fotos: Jorge Etecheber / Divulgação 18/07/2018

18/07/2018 12:54

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *